sábado, 15 de julho de 2017

Copacabana 125 anos

Até o próximo sábado está valendo a promoção super simpática do hotel Hilton Copacabana com desconto de 50% na feijoada do sábado para moradores dos bairros vizinhos do Leme e Copacabana para o aniversário de 125 anos da Princesinha do Mar.

A idéia genial tem como objetivo aproximar os moradores dos bairros vizinhos dos serviços oferecidos pelo hotel a exemplo do que já vem sendo praticado no Hilton Barra.

 

Fomos conferir a feijoada caprichadamente servida no piso da piscina e com belíssima vista para a praia. Começamos petiscando um delicioso carré acompanhado de aipim frito, torresmo, linguiça e carne seca. Batidinhas de limão, coco e maracujá para acompanhar. Os caldeirões nos aguardavam com suculentas carnes no buffet enriquecido com opções de frios, saladas, pratos quentes e sobremesas. Um festival de sabores para comemorar o aniversário do bairro. Salve Copacabana e sua Nossa Senhora que veio de longe para nos proteger.

  
  

Esperamos que esta e outras promoções apareçam oferecendo a oportunidade de frequentar o hotel. É uma ótima proposta curtir a sua cidade como turista !

O blog agradece o gentil convite da Ana Beatriz da assessoria de imprensa do hotel.

Serviço:
Hotel Hilton Copacabana
Avendia Atlântica, 1020
Tel: 21 3501-8000

Feijoada R$ 95 por pessoa ou na promo para vizinhos R$ 47,50 por pessoa

Condições Desconto para Vizinhos Hilton Copacabana

Será limitada a quantidade de descontos de 50% disponíveis por dia. O desconto será aplicado no valor total da feijoada e do brunch a moradores de Leme e Copacabana. É imprescindível a reserva prévia e apresentação de comprovante de residência na ocasião. Descontos não se aplicam a outros consumos. Crianças de até cinco anos são isentas de pagamento e entre 5 e 12 anos pagam 50% do valor cheio.

terça-feira, 6 de junho de 2017

Feijoada de Deus

Não é sempre que posso afirmar que gostei muito de um prato de feijoada tradicional mas foi exatamente o que me veio ao palato na visita à feijoada do Lagoon promovida pelo restaurante Mauá.

 

O Lagoon Gourmet é um polo gastronômico campeão nos quesitos marcas e localização com vista privilegiada. Aqui vc encontra renomados restaurantes integrados harmonicamente no mesmo ambiente. É como se vc estivesse numa grande casa com uma sala de estar comum e uma linda varanda para relaxar.

 

O Mauá é uma das casas de sucesso do Grupo Pax sob o comando do restauranteur Roberto Maciel. A primeira unidade funciona no Museu de Arte do Rio e contam com o criativo menu de brasilidades do chef Marcone Deus.

Vc pode escolher aguardar uma mesa na varanda com vista para a Lagoa ou simplesmente se acomodar em um dos ambientes interno e externo do Mauá. O apetite avançado do meio da tarde nos impulsionou para uma mesa na entrada do restaurante com visão avantajada para o buffet.

 

Novidade aos sábados desde abril deste ano a feijoada é servida com batidinhas para abrir o apetite e caldinho de feijão para acompanhar. Maracujá, tangerina, caju e limão fazem as honras da casa. O capítulo petiscos com linguicinha e torresmo é daqueles em que vc perde a noção da dieta.

 

Preferimos sempre começar petiscando um pouco para depois com calma degustar calmamente um prato com as carnes e acompanhamentos. Costelinhas suínas soltinhas, lombo, paio, calabresa tenros, farofa de cebola, puré de abóbora e couve mineira fizeram a minha festa. Depois repetiscamos um pouco mais e finalizamos com o doce de coco queimado com queijo.

 
 

A simpática Jéssica nos recepcionou durante a visita, sempre solícita e sorridente, cuidando da nossa mesa e da nosso bem estar. Agradecemos o gentil convite da Midiática Press para a degustação.

 

Voltando ao início do post, há muito tempo não degustávamos uma feijoada tão gostosa... e já me desculpando pela infâmia, é de Deus !

Serviço:
Mauá (Lagoon Gourmet)
Av. Borges de Medeiros, 1424 - Lagoa
Tel 21 22449628
http://www.lagoongourmet.com.br/maua.php

R$ 79, a feijoada livre no buffet com batidas (sem sobremesa)


sábado, 27 de maio de 2017

Feijoada de Camarões - A Mesa

Confesso que estava à espera de uma feijoada de camarões para conhecer e divulgar. A dica veio de uma amiga em comum com o Vilmar, artista plástico que atua no eixo Búzios-Rio.

A feijoada foi servida no atelier do Morro da Conceição no Rio durante o evento A Mesa organizado a cada dois meses. Nesta ocasião o atelier do Vilmar recebe artistas convidados com exposições e instalações para divulgação de seus trabalhos e troca de idéias.

  

Uma grande mesa na pracinha em frente ao atelier serve de apoio para o serviço e ali mesmo o Vilmar finaliza a receita que trouxe de Portimão em Portugal durante sua visita à terrinha. Acompanha feijão branco, legumes e toucinho, arroz branco, couve mineira e farofa. Batidinhas de maracujá e de café, além de cerveja gelada fecham a programação que começa às 16h e adentra a noite com encontro de poetas.

 
 

Chegamos mais cedo para passear um pouco pelo local que frequento desde 2008 quando sediava o evento Porto Cultural. Aparentemente quase nada mudou desde então. Os botequins são os mesmos e os moradores ainda colocam as cadeiras na calçada enquanto as crianças brincam na rua.

 
 

Uma novidade é o pessoal do Cosmonautas Mosaicos que vem enfeitando a escada de acesso a partir da Rua do Acre e tem tudo para se tornar um point no estilo Selarón. Eles também promovem a troca de mudas de plantas em eventos como o do próximo sábado. Vale a pena passar lá e conhecer o trabalho.

  

Serviço:
Feijoada de Camarões
Rua Jogo da Bola, 119 - Morro da Conceição, Praça Mauá

R$ 15, o prato feito

A Mesa é um espaço laboratorial para produzir (e pensar) encontros entre múltiplas linguagens artísticas, das artes visuais à poesia e à música contemporânea. Não há um conceito limitador, há apenas um desejo coletivo de construir esse território artístico relacional: uma festa, mesa posta.

https://www.facebook.com/pg/A.MESAexperiencia

Acesso de carro pela Major Daemon a partir da Rua do Acre
Acesso à pé diversos a partir da Pedra do Sal e Largo da Prainha

Encontro de troca de mudas
Sábado dia 3 de junho a partir das 14h
Ladeira Felipe Ney, 11  (acesso a pé pela Rua do Acre)

https://www.facebook.com/events/216973602150263/

domingo, 21 de maio de 2017

Petrópolis (ou a serra do Alemão)

Subir a serra é sempre um programa de descobertas e tradições. Você entra literalmente no clima à medida que a serração vai aparecendo e encobrindo as montanhas. Logo na chegada à Petrópolis a parada na Pavelka é mais do que obrigatória.

 

Fundada em 1952 pelo casal de imigrantes tchecos Vladimir e Helene Pavelka, a pequena casa de frios com azulejos e mesas de fórmica coloridas sempre atraiu os visitantes.

Quando criança, gostava especialmente de chegar à noitinha com serração e esperar a confirmação: "Vamos parar no Alemão". Era aqui que meu avô e meu pai compravam frios e fazíamos um lanche com o tradicional sanduíche de linguiça que é exatamente o mesmo desde que frequento a região, ou seja, uns 52 anos.

A segunda parada era a casa vizinha para comprar biscoitos amanteigados e que convenientemente com o tempo mudou o nome para Casa do Alemão passando a disputar a clientela com produtos similares aos da Pavelka.

Entendeu agora quem é o alemão original ? Claro que é uma questão de gosto pessoal mas nunca abandonei o meu lanche favorito.

 

Nosso destino desta vez era Araras, distrito de Petrópolis conhecido pelas belíssimas paisagens.

Uma parada para compras na Rua Teresa e aguardo no boteco de raiz. Outra parada agora para comprar biscoitos amanteigados. De minhas muitas lembranças da infância em Petrópolis lembro bem de acompanhar meu avô Cláudio até a antiga casa de biscoitos do Sr Gastão onde uma conversa gentil era trocada antes de tudo. Ali meus olhos brilhavam e aguardavam pelas delícias que derretiam na boca. Especialmente sou fã até hoje dos biscoitos de araruta. Um café acompanha muito bem.

 

Ainda no Centro e já no caminho para estrada via Bingen passamos por uma esquina animada e resolvemos checar. Era a tradicional choperia Gehren. Fundada em 1941 como bar e leiteria, desde 1981 é tocada pela família Reuhter. De alemão para alemão a choperia passou por algumas reformas e aqui 7 x 1 não tem graça.

 
 
 

Pedimos chopps Itaipava e na sugestão do garçom a linguiça suína de whisky e laranja. Ajoelha e reza. Hora de agradecer aos colonos alemães que escolheram esta cidade para povoar.

 

Chegamos afinal ao nosso destino em Araras, o delicioso chalé da antiga pousada Pirineus com propriedade hoje tocada pelo simpaticíssimo casal de anfitriões Monica e Luis no sistema Airbnb.

Pense no paraíso ? Colada na pedra Maria Comprida e com ampla vista para a cadeia de montanhas da região, o local era tudo que precisávamos para um perfeito final de semana. Desafio da lareira cumprido, hora do brinde e relaxar admirando a vista.

 
 

No dia seguinte após o sono dos justos fomos visitar o Vale das Videiras, conhecido pela prática de mountain bike e caminhadas. Soubemos que aos sábados tem uma feira de produtos orgânicos e ainda conseguimos o último meio quilo de feijão vermelho da roça, gentilmente cedido por amigas que fizemos ali mesmo no boteco da pracinha.

De feijoada neste post apenas o belo conjunto de louça à venda no Galpão Caipira no vale. Anotamos algumas dicas para a próxima viagem, levamos queijo do Sítio Solidão e paramos para admirar o trabalho do Zé Preto.

 
 

O que mais se pode desejar da serra ? Local perfeito para a nossa comemoração de namoro.


Serviço:

Pavelka
Km 82 da BR-040, Quitandinha - Petrópolis
Tel (24) 2245-4102
R$ 12, o sanduíche de linguiça suína com queijo

Biscoitos do Sr Gastão
Rua 7 de abril, 420, Centro - Petrópolis
R$ 35, o quilo

Choperia Gehren
Rua Montecaseros, 626, Centro - Petrópolis
Tel (24) 2231-8445

R$ 39, a linguiça Capriata com whisky e laranja
R$ 7, o chopp claro ou escuro
R$ 12, o chopp Weiss

Chalés Pirineus
Tel (21) 97631-9994 Luis Carlos